Segurança dos passageiros é pauta da Operação Círio 2016

Segurança dos passageiros é pauta da Operação Círio 2016

Mais uma reunião sobre as providências a serem tomadas em…

Arcon e operadores de transporte tratam de detalhes sobre Operação Círio

Arcon e operadores de transporte tratam de detalhes sobre Operação Círio

Com a proximidade da festividade do Círio de Nossa Senhora…

Arcon encerra 26ª reunião técnica nacional sobre saneamento básico, recursos hídricos e saúde

Arcon encerra 26ª reunião técnica nacional sobre saneamento básico, recursos hídricos e saúde

As atividades da XXVI Reunião da Câmara Técnica de Saneamento Básico, Recursos Hídricos…

Frontpage Slideshow | Copyright © 2006-2011 JoomlaWorks Ltd.

 

 

Arcon realiza arrecadação alimentos não perecíveis para doação à Basílica de Nazaré

Servidor, colabore com a Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré a acolher com dignidade os romeiros, peregrinos e visitantes das várias regiões do interior do Pará  que vêm para participar do Círio de Nazaré.

Doe alimentos não perecíveis até o dia 23/09 e contribua com a campanha. A doação deve ser entregue no setor de Logística.

Segurança dos passageiros é pauta da Operação Círio 2016

Mais uma reunião sobre as providências a serem tomadas em relação à segurança de passageiros, que tem um grande acréscimo durante a festividade do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em outubro, foi realizada na manhã desta quinta-feira, 15, na sede da Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon). Desta vez, o encontro foi com representantes dos órgãos do setor de segurança do Estado.

Participaram do encontro os diretores da Arcon, o geral Bruno Guedes, e o de Normatização e Fiscalização, Karim Zaidan, e assessores da área do transporte hidroviário, e representantes da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), da Polícia Militar/Grupamento Fluvial e da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob), que participou pela primeira vez desse tipo de reunião na Arcon-PA.

A grande preocupação de todos continua sendo o momento do desembarque dos passageiros em Belém e os primeiros deslocamentos deles na cidade, no entorno dos portos.

As sugestões dos operadores, apresentadas na reunião de quarta-feira, 14, foram entregues aos representantes do Grupamento Fluvial da Polícia Militar do Estado. A Arcon vai encaminhar aos policiais e também à Semob toda a programação, que foram fornecidos pelos operadores, de chegadas e partidas de barcos e navios, durante o período do Círio de Nazaré. Semob e PM poderão assim se organizar e fazer um planejamento de rondas e orientações do trânsito às proximidades dos portos, objetivando dar maior segurança aos usuários.

Os portos com maior volume de passageiros nessa época são o Terminal Hidroviário de Belém; os portos Jarumã e Arapari, na rua Siqueira Mendes, e Brilhante, todos no bairro da Cidade Velha; o porto da Amazon Navegação, no Ver-o-Peso; e alguns portos da avenida Bernardo Sayão.

A Arcon vai receber o planejamento de viagens extras e elas já irão constar do planejamento de todos os envolvidos na Operação Círio. A Agência reforçou que estipulou que entre os dia 4 e 12 de outubro, as partidas dos barcos e navios tenham uma tolerância de 30 minutos até que todos estejam embarcados, por conta do elevado fluxo de passageiros.

Para Karim Zaidan (acima, à direita), é muito importante o diálogo com todas as entidades envolvidas na Operação Círio. “Estamos um diálogo aberto com as entidades que cuidam da segurança dos passageiros. Nosso intuito é trabalhar em conjunto e assim proporcionar mais segurança aos que se deslocam de suas cidades para Belém”, afirmou.

A Arcon também solicitou que a CPH forneça à PM e Semob os horários de chegada de transporte hidroviário interestadual, que não é da competência da Arcon – que cuida do serviço intermunicipal -, mas que merece a atenção de todos para o êxito maior da operação.

A Operação Círio da Arcon-PA, integrada a outros órgãos de segurança, começa na segunda-feira, dia 3 de outubro e se prolonga até o Recírio, no dia 24 do mesmo mês.

Texto e fotos: Dedé Mesquita

Arcon e operadores de transporte tratam de detalhes sobre Operação Círio

Com a proximidade da festividade do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em outubro, começam os preparativos para tornar as viagens das pessoas que vêm a Belém, nessa época, ainda mais seguras e confortáveis a todos. Essas e outras providências a serem tomadas foram temas de uma reunião na sede da Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon), na manhã desta quarta-feira, 14, entre representantes de operadores do transporte hidroviário, diretores e funcionários da Agência.

As empresas que participaram do encontro foram Tapajós Navegação, Rodofluvial Barcarena, Jarumã, Arapari Navegação, além de Adriano Trindade, pela Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH).

Uma questão que ficou muito tempo em discussão é sobre a chegada dos passageiros em Belém, e como esse desembarque irá ocorrer com relação aos problemas de assaltos às proximidades dos portos. “Mesmo com todos os cuidados, sempre recomendamos aos que chegam que, por exemplo, não façam o trajeto entre o Terminal Hidroviário e a Estação das Docas, pela rua Marechal Hermes, a pé”, disse Adriano Trindade.

Adriano informou também que a CPH está terminando a elaboração de uma cartilha com dicas e orientações aos passageiros, que serão distribuídas a todos. A cartilha em modelo digital também será disponibilizada aos operadores que poderão, assim, imprimi-la, e fazer a distribuição.

O diretor de Fiscalização e Normatização da Arcon, Karim Zaidan, enfatizou a importância desse encontro prévio entre a Agência e os operadores. “Fazer um planejamento prévio com os operadores de transporte, para ouvirmos as sugestões deles, melhora ainda mais a atuação da Arcon nos serviços oferecidos. Junto com as empresas buscaremos garantir sempre a segurança de quem se desloca para Belém. As sugestões, em especial as que versam sobre a chegada dos passageiros em Belém, no entorno dos portos, foram anotadas e serão levadas aos órgãos de segurança competentes em uma reunião que será realizada nesta quinta-feira, na sede da Arcon”, informou Karim Zaidan.

O diretor também ressaltou a parceria da Arcon com a CPH. “Essa integração é fundamental para melhorar o atendimento dos que chegam a Belém por meio do Terminal Hidroviário”, avaliou.

Além das sugestões sobre a questão de segurança, a Arcon solicitou a todos o planejamento sobre viagens extras, via fluvial, e estipulou que entre os dia 4 e 12 de outubro, as partidas dos barcos e navios tenham uma tolerância de 30 minutos até que todos estejam embarcados, por conta do elevado fluxo de passageiros.

Outro ponto sugerido foi que as empresas, utilizando o serviço de rádio que possuem nos barcos, façam um boletim com orientações aos passageiros e que serão veiculadas durante as viagens.

A reunião desta quinta-feira, 15, será entre a Arcon e representantes de órgãos de segurança como Capitania dos Portos, Polícia Fluvial, Polícia Militar e Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob).

Texto e fotos: Dedé Mesquita

Gerson Antonio Lisboa é o Servidor Nota 10 da Arcon-PA

O servidor Gerson Antonio Lisboa, auxiliar operacional lotado no setor de Planejamento Financeiro, foi selecionado como representante da Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon-PA) no concurso Servidor Nota 10 de 2016.

Gerson Lisboa é concursado e atua na Arcon-PA há 13 anos, quando iniciou no setor de Atendimento, passando pelo Cadastro, para então atuar no Planejamento Financeiro, onde trabalha nos sistemas de orçamento público, gestão de programas do Estado e geração de taxas na Agência. Lisboa inscreveu-se voluntariamente para a 9ª edição do concurso e foi escolhido como o Servidor Nota 10 da Agência.

A seleção, iniciada em maio deste ano, foi feita com base no desempenho dos servidores, nos diferentes órgãos do Estado. Em agosto, a comissão interna de avaliação de cada órgão fez a escolha do vencedor, baseada em pontuações sobre o desempenho das funções e por merecimento. Lisboa irá participar, em 27 de outubro, da versão estadual do concurso, com os demais Servidores Nota 10 do Estado, concorrendo através de sorteio a uma premiação em dinheiro.

Texto e foto: Vanessa Pinheiro